Reeducandos são transferidos após descoberta de esquema de extorsão em presídio

A Seris identificou que os reeducandos estariam extorquindo e cooptando custodiados para servirem a organizações criminosas.

Ascom/Seris

Reeducandos são transferidos de Maceió para o Agreste

Um operação foi deflagrada nesta quinta-feira, 30, pela Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) para transferir reeducandos do Presídio Cyridião Durval e Silva, localizado no complexo penitenciário, em Maceió, para o Presídio do Agreste, no município de Girau do Ponciano.

A operação ocorreu após o serviço de inteligência da Seris identificar que os reeducandos estariam extorquindo e cooptando custodiados para servirem a organizações criminosas. A secretaria não informou quem são os faccionados envolvidos no esquema.

Ao todo, 40 custodiados foram deslocados, com autorização judicial da 16ª Vara de Execuções Penais (VEP), por policiais penais integrantes do Grupamento de Escolta, Remoção e Intervenções Táticas (Gerit), que contou com o apoio do Grupamento Aéreo da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

Fonte: Com informações da Ascom/Seris

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *