Tite apoia decisão do PSG em preservar Neymar após lesões

Pedro Martins / MoWa Press

Na última terça-feira (18), o PSG enfrentou o Borussia Dortmund pelo jogo de ida das oitavas de final da Champions League. A partida, que terminou com vitória alemã por 2×1, marcou a volta de Neymar aos gramados após lesão na costela, sofrida no início de fevereiro.

O craque ficou em recuperação por pouco mais de duas semanas, mas disse em entrevista que discutiu com os médicos do PSG para retornar antes, algo que não foi liberado, e deixou clara sua insatisfação com o ocorrido.

Porém, o histórico de lesões de Neymar é algo que preocupa o PSG e também a Tite, técnico da seleção brasileira. Em entrevista ao jornal As, o treinador disse que concordou com a decisão do clube francês em poupar o jogador.

“Eu entendo a situação. Neymar tem um histórico de lesões. Na última Champions estava lesionado e não jogou e o PSG foi eliminado. Entendo que o clube não queira não queira correr o risco de que seu principal jogador se lesione”, disse o comandante.

As lesões de Neymar também já foram problema para Tite, principalmente durante a última Copa do Mundo. Neymar sofreu uma lesão no pé direito antes da competição, e não pôde estar em sua melhor forma durante as partidas do torneio. A seleção terminou eliminada pela Bélgica, nas quartas de final.

Apesar da derrota, Tite também disse que aquele foi o melhor jogo do Brasil durante a Copa. Por isso, revelou que a derrota foi algo que doeu muito e que deixou algumas marcas no treinador.

“Foi uma partida em alto nível. Em meus 48 jogos com o Brasil foi quando finalizamos melhor. Foi nossa melhor partida no mundial e fomos eliminados. Isso me dói”, contou Tite. “Tivemos três oportunidades de definir a partida em bola parada. Por 15 dias isso me acordava no meio da noite com pesadelos”, revelou.

Agora, no dia 27 de março, o Brasil inicia sua trajetória rumo ao mundial de 2022. Na Arena Pernambuco, a seleção irá encarar a Bolívia em partida que marcará a abertura das eliminatórias da Copa do Mundo.

Fonte: Goal

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *