Secretário da Educação recomenda suspensão de aulas da rede estadual

Reprodução

Após reunião realizada nessa segunda-feira (16), onde a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) havia decidido seguir com as aulas do ensino público, na manhã desta terça-feira (17), o secretário da pasta e vice-governador, Luciano Barbosa (MDB), resolveu suspender as atividades escolares como medida preventiva contra a pandemia do coronavírus.

Leia também: Coronavírus: confira mudanças no funcionamento de órgãos públicos e serviços em AL

Durante a reunião, realizada ontem, somente as instituições de ensino da rede particular haviam se pronunciado sobre a suspensão das aulas. Até então, o vice-governador havia afirmado em entrevista coletiva que, a princípio, o sistema público de ensino iria adotar medidas de prevenção como a disponibilização de álcool em gel e máscaras e que as atividades seguiriam normalmente.

Em postagem em seu perfil oficial no Instagram, Barbosa afirmou que irá recomendar ao governador do Estado que as aulas sejam suspensas. Segundo ele, mesmo que a Vigilância Sanitária tenha recomendado que as atividades escolares poderiam continuar, o estado emocional dos pais foi o fator determinante para a paralisação.

“Para dar uniformidade nas decisões da educação, diante da já anunciada suspensão das aulas das escolas particulares, a melhor decisão é suspender as aulas das escolas públicas também. Ainda que a recomendação da vigilância sanitária seja a de que ainda poderíamos continuar com as aulas, essa é a melhor maneira de trazer tranquilidade emocional para as famílias dos nossos alunos e ter uma posição única na educação básica do Estado de Alagoas”, afirmou.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Para dar uniformidade nas decisões da educação, diante da já anunciada suspensão das aulas das escolas particulares, a melhor decisão é suspender as aulas das escolas públicas também. Ainda q a recomendação da vigilância sanitária seja a de q ainda poderíamos continuar com as aulas, essa é a melhor maneira de trazer tranquilidade emocional para as famílias dos nossos alunos e ter uma posição única na educação básica do Estado de Alagoas. Essa será a minha recomendação ao governador do estado. Numa hora como essa o excesso de zelo não prejudica. Logo após o anúncio do governador faremos uma portaria para dar apoio extraclasse a nossos alunos. Luciano Barbosa

Uma publicação compartilhada por Luciano Barbosa (@luciano_barbosa15) em

UNIVERSIDADES SUSPENDEM AULAS

Como adiantado pelo Alagoas 24 Horas nessa segunda-feira, a Universidade Federal de Alagoas (UFAL) decidiu paralisar suas aulas a partir de hoje. A medida foi tomada, em seguida, pelas principais instituições de ensino superior da rede privada.

Em sua maioria, as universidades tomaram a decisão de suspensão das aulas por 15 dias, começando já nesta terça-feira.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *