VÌDEO: Cometa que poderá ser visto a olho nu está se aproximando da Terra

Graças ao telescópio de observação ATLAS, localizado na Universidade do Havaí, em 28 de dezembro de 2019 foi descoberto o cometa C/2019 Y4 (ATLAS).

Na segunda metade de março o corpo celeste tem estado a brilhar como uma estrela de magnitude 8 – por enquanto não é visível a olho nu, mas pode ser visto por telescópios de tamanho médio no céu noturno.

Atualmente o C/2019 Y4 está atravessando a órbita de Marte e se aproximando do Sistema Solar interno. À medida que o cometa se aproxima de nós, ele vai ficando cada vez mais brilhante.
Se nada de extraordinário acontecer, o corpo celeste deve se tornar suficientemente brilhante para ser facilmente visto com binóculos e talvez tão luminoso que poderá ser observado a olho nu em locais com boa visibilidade noturna.

Vale destacar que os cometas têm comportamento extremamente errático e são intrinsecamente imprevisíveis. Teremos que esperar para ver como o C/2019 Y4 (ATLAS) irá se comportar, avança portal EarthSky.

O cometa ficará o mais perto da Terra em 23 de maio de 2020. Seu periélio, ou seja, o ponto da órbita que está mais próximo do Sol, deverá ocorrer no dia 31 de maio.
Se as previsões estiverem certas, o cometa ATLAS poderá atingir uma magnitude de 5+ por volta de 1º de maio de 2020. Teoricamente isto é brilhante o suficiente para ser visto a olho nu, mas a indistinção dos cometas com brilho fraco pode torná-los mais difíceis de detectar do que estrelas de brilho comparável.

Fonte: Sputnik News

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *