Teto do Cisp de Pilar desaba e Sindpol denuncia problemas estruturais

Sindpol

Com apenas nove meses de inaugurado, o Centro Integrado de Segurança Pública (CISP), da cidade de Pilar, já apresenta problemas estruturais. Esta semana, parte do teto de uma sala desabou. Por sorte, nenhum policial ficou ferido.

O Cisp de Pilar é tipo II. Ele foi montado com a proposta de ser mais estruturado e  abrigar policiais civis e militares. Além disso, possui localização estratégica para as ações da Segurança Pública. Para sua construção, o Governo de Alagoas investiu R$ 8,4 milhões.

De acordo com informações do presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol), Ricardo Nazário, a diretoria do sindicato acreditava que como Cisp tipo II, os problemas apresentados no Cisp tipo I, como rachaduras, infiltrações, afundamento de piso, falta de espaço na carceragem e alojamento aos policiais civis, entre outras precariedades, não fossem ocorrer, mas as dificuldades são as mesmas.

“Se o projeto do CISP I fosse revisto, e as falhas corrigidas, o CISP II não estaria causando transtornos e risco à categoria e à população”, denuncia o presidente do Sindpol.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *