Cidades do Sul de MG têm madrugada mais fria do ano e geada; mínima foi de -3,7º C

Em Poços de Caldas, a geada foi intensa em vários pontos e a temperatura foi menor que zero. Varginha bateu recorde de temperatura mínima, com 5,1º C.

O Sul de Minas amanheceu nesta quinta-feira (28) com novos recordes de baixas temperaturas no ano, com mínimas negativas, e geada intensa em algumas cidades. Os destaques são para recordes em Varginha, Caldas e Poços de Caldas.

Em Poços de Caldas, vários pontos tiveram geada forte no início da manhã. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a temperatura estimada na cidade é de -0,9º C, baseada no termômetro em Caldas, que registrou a mínima recorde.

Em Varginha, o recorde do ano esta madrugada foi de 5,1º C, com sensação térmica ainda mais baixa, de 2,4ºC.

Em Maria da Fé, termômetros locais registraram temperaturas ainda mais baixas, com -3,7°C no Bairro Reserva e -1,7º C no Bairro Lage. Na relva, o frio foi ainda mais intenso, que chegou e -6,7º C. Já o Inmet registrou -1º C.

Além das três cidades, as temperaturas foram baixas, segundo o Inmet, em Monte Verde, distrito de Camanducaia, com -0,9º C e sensação de -2º C. Já em São Sebastião do Paraíso, foram 2,9º C, com sensação de 0,4º C.

Previsão do tempo
Segundo o Inmet, o frio mais intenso já passou no Sul de Minas. A chance de novos recordes de temperaturas míninas é pequena.

Mas ainda há previsão de geada em locais como Caldas, Maria da Fé e Monte Verde. Durante a tarde, as temperaturas sobem e ficam próximas a 20º C.

No fim de semana, a situação de mantém, com leve chance de geada, mas mínimas mais elevadas. Durante a tarde, as máximas serão mais altas e a sensação de frio diminui.

Fonte: G1

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *