Bebê de 1 mês morre vítima de coronavírus em Alagoas; estado chega a 582 óbitos

O Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) deste sábado (06/06) confirma mais 879 casos de Covid-19 em Alagoas. Dessa forma, o estado tem um total de 14.818 casos confirmados do novo coronavírus até o momento, dos quais 4.983 estão em isolamento domiciliar e 414 internados em leitos públicos e privados. Outros 8.837 pacientes já finalizaram o período de isolamento, não apresentam mais sintomas e, portanto, estão recuperados da doença. Há 1.919 casos em investigação laboratorial. Foram registradas mais 25 mortes em território alagoano. Com isso, Alagoas tem 582 óbitos por Covid-19.

Mais 25 mortes foram confirmadas, laboratorialmente, em decorrência do novo Coronavírus. Foram 15 vítimas que residiam em Maceió, sendo nove mulheres, com idades de 60, 81, 74, 40, 42, 68, 65, 84 e 58 anos; e seis homens, com idades de 92, 63, 63, 88, 35 e um bebê de 01 mês.

A mulher de 60 anos tinha doença respiratória crônica e faleceu no Hospital Universitário; a vítima de 81 anos era hipertensa e faleceu na Unimed; a mulher de 74 anos tinha doenças cardíacas crônicas e faleceu no Hospital Universitário; a mulher de 40 anos era diabética e faleceu na UPA Jacintinho; a vítima de 42 anos não tinha registro de comorbidades e faleceu no Hospital da Mulher; a vítima de 68 anos era diabética e hipertensa e faleceu no Hospital Vida; a vítima de 65 anos era hipertensa e faleceu em sua residência; a mulher de 84 anos não tinha registro de comorbidades e faleceu no Hospital da Mulher; e a vítima de 58 anos era hipertensa e faleceu no Hospital do Coração.

Em relação aos óbitos do sexo masculino, o homem de 92 anos era hipertenso e diabético e faleceu na Unimed; o homem de 63 anos tinha doença cardíaca crônica e faleceu no HGE; outra vítima, de 63 anos, era hipertenso e diabético e faleceu no HGE; o homem de 88 anos era diabético e hipertenso e faleceu no HGE; o homem de 35 anos era diabético e faleceu em casa; e o bebê de 01 mês não tinha registros de comorbidades e teve o óbito registrado no HGE.

A Covid-19 vitimou mais dez pessoas que residiam no interior do Estado, sendo cinco óbitos de mulheres e mais cinco de homens. Residente em Rio Largo, a mulher de 42 anos tinha imunossupressão como comorbidade e faleceu no Hospital Universitário; a mulher de 42 anos, que residia em Olho d´Água das Flores, não tinha registro de comorbidades e faleceu no Hospital Clodolfo Rodrigues; a vítima de 65 anos residia em Coruripe, tinha  imunossupressão como comorbidade e faleceu no Hospital Carvalho Beltrão; a mulher de 72 anos, que morava em Santana do Ipanema, não tinha registro de comorbidades e faleceu no Hospital Regional de Arapiraca; e a mulher de 74 anos, que residia em Arapiraca, não tinha registro de comorbidade e faleceu na UPA Tabuleiro.

Em relação aos óbitos do sexo masculino, o homem de 77 anos, residente em Arapiraca, não tinha comorbidades e faleceu no Hospital Regional de Arapiraca; residente em Messias, o homem de 42 anos não tinha comorbidades e faleceu no HGE; o homem de 63 anos que morava em Passo de Camaragibe não tinha registro de comorbidades e faleceu no HGE; o homem de 78 anos, que residia em Jundiá, era hipertenso e faleceu no HGE; e o homem de 75 anos, residia em Pilar, era hipertenso e faleceu na UPA Benedito Bentes.

Óbitos

Até hoje, foram confirmados 582 óbitos por Covid-19 em território alagoano, mas quatro deles eram de pessoas residentes em Pernambuco, São Paulo, Santa Catarina e Bahia, tendo como vítimas três homens e uma mulher. Dos 578 residentes em Alagoas, 331 eram do sexo masculino e 247 do sexo feminino. Trezentas e sessenta e nove vítimas residiam em Maceió e as outras 209 em Rio Largo (21), Arapiraca (21), Marechal Deodoro (12), União dos Palmares (14), Coruripe (9), Satuba (6), Maragogi (6), Joaquim Gomes (5), Santana do Ipanema (5), Messias (5), Pilar (5), São Miguel dos Campos (4), Murici (4), Atalaia (4), Paripueira (4), Piaçabuçu (4), Palmeira dos Índios (3), Ibateguara (3), Jequiá da Praia (3), Paulo Jacinto (3), Passo do Camaragibe (3), Barra de São Miguel (2), Teotônio Vilela (2), Campestre (2), Delmiro Gouveia (2), Penedo (2), Porto Calvo (2), Matriz do Camaragibe (2), Boca da Mata (2), Craíbas (2), Lagoa da Canoa (2), Santa Luzia do Norte (2), São Luís do Quitunde (2), Junqueiro (2), Olho d´Água das Flores (2), Jundiá (2), São Miguel dos Milagres (1), Viçosa (1), Anadia (1), Limoeiro de Anadia (1), Maribondo (1), Campo Alegre (1), Batalha (1), Cacimbinhas (1), Flexeiras (1), Japaratinga (1), Novo Lino (1), Campo Grande (1), Pão de Açúcar (1), Barra de Santo Antônio (1), Cajueiro (1), Feliz Deserto (1), Major Izidoro (1), São Sebastião (1), Santana do Mundaú (1), Poço das Trincheiras (1), Belém (1), Canapí (1) Tanque D´Arca (1), São José da Tapera (1), Capela (1), Piranhas (1), Pindoba (1), e Jacuípe (1), segundo o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs).

Leitos de Covid-19 do Estado – Dos 1.069 leitos criados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) para atender, exclusivamente, pacientes com suspeita e confirmação de infecção pelo novo coronavírus, 678 estavam ocupados até as 11h deste sábado (06/06), o que corresponde a 63% do total – 175 pacientes estão em leitos de UTI, 13 em leitos intermediários e 491 em enfermaria. Para acompanhar a evolução da ocupação dos leitos exclusivos para Covid-19, clique aqui.

Fonte: Assessoria

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *