Nabor Bulhões, que atuou na defesa de Collor e Marcelo Oebrecht, recusa caso de Flávio Bolsonaro

Convite ao advogado criminalista Nabor Bulhões teria sido reforçado pela família Bolsonaro após Fabrício Queiroz ser preso

O advogado criminalista Nabor Bulhões, que já atuou na defesa do ex-presidente Fernando Collor e de Marcelo Odebrecht, ex-presidente da Odebrecht, recusou o convite para defender o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ). O convite teria sido reforçado pela família Bolsonaro após a prisão de Fabrício Queiros, ex-PM e ex-assessor do parlamentar ser preso em São Paulo, na semana passada.

Segundo reportagem do blog da jornalista Bela Megale, o advogado justiçou a recusa alegando que o processo de “rachadinha” a que o parlamentar responde tramita no Rio de Janeiro e que ele, morando em Brasília, não poderia acompanhar o caso. Bulhões também teria argumentado que está com agenda tomada por ações em tribunais superiores.

Fonte: Brasil 247

Veja Mais

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *