Polícia desvenda trama criminosa que vitimou adolescente no Sertão

Polícia desvenda assassinato de menor em Batalha – Ascom/PC-AL

A Polícia Civil prendeu um adulto e apreendeu um menor, acusados de assassinar o adolescente de 14 anos, José Romeu Maciel da Silva, cujo corpo foi encontrado nesta quinta-feira, 2, em uma cisterna na zona rural da cidade de Batalha, no Sertão de Alagoas.

Leia Mais: Buscas por adolescente desaparecido terminam de forma trágica em Alagoas

De acordo com informações do delegado Valter Nascimento, titular da Delegacia Regional de Batalha (3ª DRP), o garoto foi morto a facadas e pedradas e a motivação teria sido uma uma dívida com traficantes. O delegado conta que os criminosos estavam ameaçando roubar e matar o pai da vítima, caso o dinheiro não fosse pago.

Crime

No dia do crime José Romeu procurou um “colega”, também adolescente, para comprar drogas em Monteirópolis. Inclusive, a Polícia teve acesso a um vídeo no qual os dois rapazes aparecem em um carro, modelo Uno, de cor prata, usado para se deslocar até a cidade vizinha.

Ainda segundo a Polícia, eles seguiram, na companhia de um adulto, até a localidade conhecida como Estrada de Olivença, na zona rural de Jacaré dos Homens, onde a vítima usou cocaína. “O menor esperou a vítima se dopar e então o matou, usando uma faca peixeira e pedras”. Depois de morto, José Romeu foi arrastado por um cercado de arame farpado, por cerca de 50 metros. Os criminosos passaram por uma casa abandonada e jogaram o corpo em uma cisterna.

Prisão e Apreensão

Após diligências, na noite de ontem (1º), a polícia localizou o veículo, através das imagens de câmeras, e chegou ao proprietário, que é o pai do menor responsável pela morte da vítima.

O menor deve responder por Ato Infracional análogo ao delito previsto no artigo 122 do Código Penal Brasileiro. Já o adulto, que não teve o nome revelado, poderá responder por crime de homicídio e ocultação de cadáver, a depender do entendimento do delegado.

Ainda segundo relato do menor infrator, depois do assassinato eles foram até o açude, que fica na entrada da cidade de Jacaré dos Homens, e lavaram o veículo, que estava manchado de sangue. Além disto, a faca usada no crime foi jogada na água.

A Polícia Civil irá solicitar que o veículo seja periciado e ainda serão efetuadas diligências com a finalidade de resgatar a arma do crime.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *