Mulher é assassinada a golpes de facão em Campestre; acusado foi preso

Mulher é assassinada a golpes de facão em Campestre

Um jovem de 19 anos foi preso, nesta sexta-feira, 3, acusado de assassinar uma mulher de forma bárbara, na cidade de Campestre, no interior de Alagoas. Luciana Maria da Silva, 29 anos, foi morta a a golpes de facão no meio da  Rua Bom Jesus, a poucos metros da delegacia de Polícia Civil.

Uma moradora que pediu para não ser identificada, disse que o crime ocorreu por volta das 23 horas desta quinta-feira (2). Os moradores da rua ficaram em pânico ao ver a cena de crueldade, sem nada poder fazer. Eles disseram que tentaram acionar a Polícia, mas não obtiveram êxito. No entanto, os policiais da 2ª Companhia da Polícia Militar Independente (2ª CPM/Ind) informaram que fizeram buscas na região e não encontraram o assassino.

Somente hoje pela manhã, o autor do crime, cujo nome não foi divulgado em virtude da Lei de Abuso de Autoridade, foi preso em sua residência, na mesma cidade. De acordo com um policial civil, o acusado ao ser preso confessou o crime. “Quando for ouvido na Delegacia deve revelar qual a motivação do homicídio. Ele esperou a vítima passar e a atacou com vários golpes de facão, não dando chance de reação por parte da mulher, que morreu no local da agressão, próximo da residência dela”, disse.

O caso está sendo acompanhado pelo delegado Rômulo Monteiro, da cidade de Novo Lino. É lá que o acusado ficará detido a disposição da Justiça.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *