Familiares relatam que IML e Samu não atenderam a chamado após morte de idosa

A morte de uma anciã de 91 anos causou desespero a uma família, na noite dessa sexta-feira (31), no município de Arapiraca, na região Agreste de Alagoas.

De acordo com o relatório oficial do 3° Batalhão de Polícia Militar (BPM), a família da idosa acionou os militares para a ocorrência. No local, a PM não pode atestar o óbito e acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que informou que não poderia se dirigir ao local devido ao caso não ter sido acidente ou ocasionado por crime.

Os familiares acionaram o Instituto Médico Legal (IML), que também não fizeram o recolhimento do corpo.

A família da idosa precisou recorrer a um médico para atestar o óbito e o corpo ser encaminhado a uma funerária.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *