Criança de 6 anos é encontrada morta em saco de lixo; população apedreja casa do suspeito

Cortesia

O efetivo policial da cidade de Maravilha, no sertão do Estado, está mobilizado desde as primeiras horas desta quinta (6) após a localização do corpo de uma criança de apenas seis anos em uma residência. O proprietário da residência foi preso suspeito de cometer o crime e encaminhado para a Delegacia Regional de Santana do Ipanema.

Segundo as informações apuradas pela reportagem do Alagoas 24 horas, o corpo da menina foi encontrado dentro de um saco de lixo, em uma estrutura na residência do suspeito. Ele nega o crime. As identidades da vítima e do suspeito não foram divulgadas. Informações extraoficiais dão conta, ainda, que a menina teria sofrido violência sexual.

Militares da cidade tiveram que cercar o local para tentar preservá-lo uma vez que a população, revoltada com o crime, ameaçou invadir para destruí-lo, além de apedrejar a residência. Dezenas de pessoas se encontram em frente à residência onde o corpo foi encontrado. A polícia não informou se existe algum grau de parentesco entre vítima e suspeito.

De acordo com a assessoria da Polícia Civil, o delegado Hugo Vasconcelos informou que só irá repassar detalhes à imprensa no período da tarde. Ele se encontra em uma reprodução simulado com o Instituto de Criminalística e depois segue para a cidade.

O efetivo da PM foi deslocado para tentar conter os ânimos dos moradores. Perícia e IML ainda não foram acionados para recolher o corpo.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *