Primas de 2 e 3 anos morrem após pedalinho virar em represa

Pedalinho onde meninas estavam quando houve acidente em MS — Foto: G1 MS

Primas de 2 e 3 anos morreram afogadas durante passeio de pedalinho, em uma represa perto do município de Inocência, a 336 km de Campo Grande. O fato ocorreu nesse domingo (13), enquanto elas estavam com o pai de uma delas. Os corpos foram levados para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Paranaíba e liberados.

Nesta manhã (14) ocorreu o velório da menina de 3 anos em Andradina, cidade paulista a 30 km de Três Lagoas, na região leste do estado. Conforme o depoimento dos pais, o pedalinho virou e todos caíram na água. Algumas pessoas de uma fazenda, onde fica a represa, ajudaram no resgate, mas, as meninas foram levadas para a margem e não resistiram.

O pai da menina de 3 anos, que é técnico de enfermagem e mora em Andradina, prestou os primeiros socorros. No entanto, elas chegaram sem vida no hospital do município. Já a família da menina de 2 anos reside em Castilho, também no interior paulista.

Nas redes sociais, o pai de uma das meninas, em modo público e emocionado, falou sobre o fato.

“…Tá muito difícil. Eu só estou fazendo esse vídeo aqui, rapidão, e vou postar aqui no meu status e no face. A gente tá aqui na cidade de Inocência e, infelizmente, aconteceu essa tragédia com a minha filha. E a gente está sem chão, difícil demais, difícil demais. Então assim, a gente está aguardando aguardando a funerária vir buscar o corpo”…

Ainda no post, o pai disse que o apoio de familiares e amigos tem sido fundamental neste momento. “A gente está recebendo total apoio aqui da fazenda, gerente, administrador, a minha mãe. O pessoal tá aqui, os amigos. A gente tá esperando chegar…nem sei o que falar. Mas, eu creio que, até de noite, a gente já está chegando com o corpo e tudo mais. Só peço a vocês, reza por nós, ora por nós, porque tá doendo demais. É uma dor que eu não desejo…meu Deus do céu, gente, que dor. Minha maior preciosidade….”.

Os afogamentos foram registrados na delegacia de Polícia Civil de Inocência como morte a esclarecer. A menina de 2 anos também foi velada na tarde desta segunda-feira.

Fonte: G1

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *