Bem Legal Escolar: instituições da área da Saúde devem solicitar liberação

Não formalização do pedido de liberação da bilhetagem eletrônica impossibilita o uso do cartão pelos estudantes da área da saúde

IES e escolas técnicas com clínicas-escolas devem solicitar a liberação do Bem Legal Escolar. Foto: Pei Fon/ Secom Maceió

O último Decreto Municipal de Nº. 8.975 com as medidas preventivas e de combate ao novo coronavírus liberou, a partir desta terça-feira (13), a utilização, venda de créditos e o recadastramento do Cartão Bem Legal Escolar para os estudantes de clínicas-escolas das Instituições de Ensino Superior (IES) e das escolas técnicas que estão situadas em Maceió.

As instituições de ensino superior e escolas técnicas que já retomaram as suas atividades devem entregar um ofício de forma presencial na sede do Cartão Bem Legal, que está localizada na Rua Buarque de Macedo, no Centro, de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, informando sobre o retorno das aulas e solicitando a liberação do Cartão Bem Legal Escolar dos seus respectivos alunos. Para maiores informações e esclarecimentos, as unidades de ensino devem ligar para o número 3021-8110.

“Só após a formalização do pedido e a liberação da bilhetagem eletrônica é que os estudantes da área da saúde poderão adquirir os créditos, recadastrar o Bem Legal Escolar e realizar o embarque nos coletivos urbanos. Caso este procedimento não seja efetuado pelas instituições de ensino superior e escolas técnicas com clínicas-escolas, os estudantes continuarão com os seus cartões suspensos”, explica a diretora do Sistema Integrado de Mobilidade de Maceió (SIMM), Paula Isanelle.

Demais estudantes

Para os alunos de escolas técnicas e instituições de ensino superior que não sejam da área da saúde, bem como para os estudantes das redes municipal e estadual de ensino, o uso do Cartão Bem Legal na modalidade Escolar segue suspenso. O Programa Domingo é Meia também continua suspenso.

Fonte: Secom Maceió

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *