Homem denuncia PM por agressão durante abordagem em Capela

O homem que aparece em um vídeo sendo chutado por um policial militar durante abordagem, na cidade de Capela, região da Zona da Mata de Alagoas, é um empresário que alega ter sofrido a agressão injustamente.

Ele foi abordado no meio da rua, durante averiguação de abuso de som. A vítima conta que foi questionada sobre o som e informou que não lhe pertencia. Foi orientado a colocar as mãos sobre a cabeça e enquanto estava sendo revistado, outro policial se aproxima e o agride com um chute.

As imagens da agressão viralizaram e a defesa da vítima informou que além de registrar um Boletim de Ocorrência denunciando crime de abuso de autoridade, ameaça e crime contra a honra, também ingressou com ação civil em desfavor do Estado.

Em nota, a Polícia Militar do Estado de Alagoas informou que inicialmente só teve conhecimento dos fatos através da imprensa, e aguarda ser formalizada oficialmente para de imediato instaurar através de sua corregedoria os procedimentos cabíveis que o caso requer. A PMAL também destacou que a Corregedoria está aberta para receber qualquer denúncia de todos os cidadãos a partir de sua Ouvidoria instalada na sede do órgão no Bairro do Farol.

Veja Mais

3 Comentários

  • Josuel Oliveira says:

    Mais um bandido dentro da Polícia Militar de Alagoas. Só quem sofre são os pobres porque eles são covardes. Têm medo dos ricos, e descontam suas frustrações nos pobres.

  • carlos roberto says:

    concordo em gênero,número e grau com você amigo

  • aldir says:

    Se tinham policiais que se achavam os donos da verdade, agora eles se acham os donos do mundo. Esta na hora de expulsar esse tipinho da corporação sem pestanejar e por na cadeia. Policia que se comporta como bandido tem que ser expulso e preso. E tenha cuidado que tem uns que adoram forjar flagrante pra tirar sua razão. Do nada aparece uma trouxinha de maconha do teu bolso… uma mentira deles vale por 1000 verdades de um inocente. se denunciar é capaz de você desaparecer do mapa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *