Luciano Szafir se retrata na web após propaganda enganosa: “Pagando pelo erro”

Ator ainda frisou que doará o cachê recebido pelo trabalho: "Quero pedir desculpas. Já providenciei que o vídeo fosse retirado do ar"

Luciano Szafir publicou um vídeo em seu Instagram para se retratar a respeito de uma publicidade que teria feito nas redes sociais de um negócio apontado por especialistas de não ser confiável.

Após ser acusado de propaganda enganosa na internet, o ator se pronunciou para explicar a situação e admitiu o erro. “Boa noite a todos. Há um tempo eu recebi o contato de uma amiga, com quem faço alguns trabalhos há anos. Ela me deu um breve briefing de um comercial para eu gravar e eu topei, achando que estava tudo bem. Então, marquei a gravação. Seria uma coisa curta, texto de teleprompter, no qual a gente só tem que ler o texto. Quem me conhece sabe que sou correto. Parecia tudo tão simples que nem consultei meu empresário”, começou ele.

O ator explicou que estava com muitas dores no dia que deveria fazer a publicidade. “No dia da gravação acordei com uma terrível crise de dor ciática (nunca escondi minha sofrida rotina médica para resolver essa questão) e tudo o que eu queria era tomar algum medicamento que me ajudasse a aliviar a dor que chega a me paralisar. Eu deveria ligar e dizer que não poderia gravar… Ah mas peraí, você foi pelo cachê, Luciano! Que nada, um valor simbólico. A dor que eu sentia me impedia de maiores reflexões”, disse, garantindo ainda que não tem relação com a empresa para a qual fez a propaganda e nem com a área de investimentos. “Aí está meu erro – eu não entendo nada desse setor!”.

Luciano contou que só se deu conta do erro quando dois especialistas fizeram posts na internet apontando a propaganda e garantiu ainda que doará o cachê recebido pelo trabalho. “Agradeço a esses dois profissionais por terem aberto meus olhos. Já providenciei a retirada do comercial das mídias sociais da empresa. Errei ao gravar esse vídeo sem condições de avaliar a idoneidade da empresa, assumo esse erro e peço desculpas. Afirmo também que o valor recebido será doado a uma instituição escolhida por minha assessoria, que certamente fará um bom uso do recurso”

Para finalizar, ele explicou que o vídeo de retratação foi feito como um pedido de desculpas para as pessoas que viram a propaganda. “Sabe, a intenção aqui não é a ‘recuperação de minha imagem’, mas algo muito maior. O reconhecimento e a correção de um erro, a tempo de não ser motivo de alguém talvez fazer um investimento equivocado e perder suas economias. Pretendo continuar usando meu conhecimento e minha imagem para coisas nas quais eu realmente acredito e recomendo. Mais uma vez, peço perdão e afirmo que não falarei mais sobre isso. Não há mais nada a ser acrescentado. Cuidem bem de suas finanças e cuidem bem da saúde, que é nosso bem maior”.

Entenda a polêmica
Luciano Szafir gravou uma propaganda de uma empresa de investimento com chamados “robôs da Nasa” que prometia lucro de mais de 300% ao mês. No vídeo, ele explicava que os algoritmos da ferramenta garantiam retornos de maneira fácil e rápida.

Para o UOL, o especialista Rodrigo Tonon Marcatti, sócio-fundador da Veedha Investimentos, alertou que propagandas como esta normalmente se tratam de fraude e golpe, por conta da instabilidade econômica atual no Brasil.

“Qualquer promessa de rentabilidade acima da taxa de juros do país [hoje em 2,75%] é pirâmide ou fraude. Não existe isso de ganhar dinheiro 100% das vezes operando em um mercado volátil”

Fonte: Quem

Veja Mais

Deixe um comentário