Olimpíadas: Saiba o motivo do Azerbaijão ter se apresentado de preto na ginástica rítmica

COI

O preto utilizado pelo quinteto do Azerbaijão na fase eliminatória da ginástica rítmica nas Olimpíadas de Tóquio chamou a atenção de todo mundo por contrastar com as roupas coloridas e brilhosas dos outros países. O motivo, porém, é válido.

A escolha da roupa simboliza o luto pelas mortes decorrentes do conflito entre Azerbaijão e Armênia pela posse do território Nagorno-Karabakh.

Em novembro de 2020, os países assinaram um acordo de cessar-fogo depois de mais de um mês de guerra, que resultou na morte milhares de pessoas. Mesmo assim, a tensão entre Azerbaijão e Armênia continua.

O desempenho do quinteto formado por Laman Alimuradova, Zeynab Hummatova, Yelyzaveta Luzan, Narmina Samadova e Darya Sorokina não foi o suficiente para levar o país até a final da ginástica rítmica.

O Azerbaijão somou 74.350 pontos e terminou na décima colocação. Os países classificados para a final foram: Bulgária, Rússia, Itália, Israel, Uzbequistão, China, Ucrânia e Japão.

Fonte: ESPN

Veja Mais

Deixe um comentário