Associação lamenta a morte do Sargento e afirma que há muitos PMs com problemas psicológicos em AL

A Associação dos Cabos e Soldados em Alagoas (ACS/AL) lamenta a morte do Sargento Alessandro Oleszko, de 45 anos, que faleceu ontem (12) após se envolver em uma ocorrência.

A diretoria da entidade se solidariza à família do PM e sabe que a guarnição tomou as devidas precauções, usando os procedimentos possíveis e técnicas necessárias para manter a integridade dos envolvidos, mas infelizmente o Sargento, Alessandro Oleszko, veio a óbito.

Segundo o presidente da ACS/AL, Sargento Nascimento, infelizmente a Polícia Militar de Alagoas possui um número grande de profissionais com problemas psicológicos e o Estado necessita cuidar melhor deles, investindo em cuidados com a saúde mental. “Investir na saúde do militar é imprescindível para evitar consequências negativas. Somos expostos ao nível de estresse altíssimo e por inúmeras vezes membros da nossa tropa clamam por ajuda.

Fonte: Ascom

Veja Mais

Deixe um comentário