Moradores recolhem sete corpos após operação da PM; idosa ferida

Moradores recolhem corpos de área e manguezal na comunidade Itaúna, no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo — Foto: Reprodução/ TV Globo

Moradores do Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, retiraram pelo menos sete corpos de um manguezal no bairro de Itaúna na manhã desta segunda-feira (22), depois de um fim de semana de confrontos entre a Polícia Militar e traficantes.

“Estes confrontos foram intensos, foram na área de mangue, é uma área de difícil trânsito”, destacou o porta-voz da PM, tenente-coronel Ivan Blaz.

Na madrugada de sábado (20), um PM foi baleado e morreu no hospital. No domingo (21), uma idosa foi atingida no braço.

Morte de PM
Neste sábado, um policial militar morreu em atuação na região do Salgueiro. O sargento foi identificado como Leandro Rumbelsperger da Silva, de 38 anos.

Segundo a Polícia Militar, PMs do 7º BPM (São Gonçalo) faziam patrulhamento em Itaúna, no Complexo do Salgueiro, quando foram atacados por criminosos efetuando disparos de arma de fogo. Na ação, um fuzil AK-47 foi apreendido, e o sargento foi baleado.

O militar chegou a ser levado para a emergência do Hospital Estadual Alberto Torres, também em São Gonçalo, mas não resistiu e morreu.

Idosa ferida
Carmelita Francisca de Oliveira, de 71 anos, foi atingida no braço esquerdo durante uma ação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) na região. Ela passa bem.

Em nota, a Polícia Militar afirmou que policiais do 7º BPM foram até o Hospital Alberto Torres para saber o que tinha acontecido com a idosa. A ocorrência foi encaminhada para a 72ª DP (São Gonçalo).

Policiais do Comando de Operações Especiais (COE) estiveram no Salgueiro durante todo o sábado. Os agentes seguiam na região neste domingo.

Por volta das 3h, segundo a PM, as equipes do Bope estavam em patrulhamento no Salgueiro quando criminosos que estavam em uma área de mata atiraram contra os policiais. Houve confronto entre policiais e criminosos.

Próximo do local, foram apreendidos uma espingarda calibre 12; 56 munições calibre 7,62; um “kit Ronny”; 10 radiotransmissores; 36 sacos contendo 576 frascos de vidro; um galão com lança-perfume; 120 sacos com crack; 11 sacos com 588 pinos de cocaína; um saco com cocaína e quatro balanças de precisão. Não houve presos ou ocorrência envolvendo feridos. O registro foi feito na 72ª DP (São Gonçalo).

Fonte: G1

Veja Mais

Deixe um comentário