Governo de Alagoas assina ordem de serviço para construção de Cisp sede do Instituto de Criminalística de Arapiraca

O Instituto de Criminalística auxiliará as polícias Civil e Militar no combate à criminalidade e trará mais segurança a Arapiraca e região

O governador Paulo Dantas esteve na cidade de Arapiraca na tarde desta terça-feira (28), para assinar a Ordem de Serviço autorizando a construção do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) do Tipo I, que servirá de base para a implantação do Instituto de Criminalística, órgão da Polícia Científica do Estado de Alagoas. A partir de agosto, equipes do IC atuarão em local provisório, para iniciarem a atuação na cidade e região.

Aqui Acontece

Instituto de Criminalística (IC)

Para o governador Paulo Dantas, a implantação do Instituto de Criminalística em Arapiraca representa um avanço para a Segurança Pública. “Alagoas era um dos estados mais violentos do Brasil. Os números ultrapassaram os de cidades que estavam em guerra civil. Mas, o Governo de Alagoas conseguiu diminuir os índices de violência, investir em concursos públicos, aparelhar as polícias e Corpo de Bombeiros, melhorar a estrutura e oferecer melhores condições de trabalho. O Instituto de Criminalística auxiliará as polícias Civil e Militar no combate à criminalidade e trará mais segurança a Arapiraca e região”, destacou.

Para o perito-geral da Polícia Científica de Alagoas, Manoel Melo, a implantação do IC em Arapiraca era um desejo antigo da população do Agreste Alagoano e melhorará o tempo resposta do órgão. “Este é um grande feito do Governo de Alagoas. Levar o Instituto de Criminalística para o Agreste do Estado significa uma maior rapidez nos subsídios gerados pela Polícia Científica para a elucidação de crimes”, concluiu.

Com a conclusão do concurso público que está sendo realizado pelo Governo de Alagoas e a aprovação do projeto que criará a força-tarefa da Polícia Científica, o efetivo da nova unidade será ampliado para atender uma área correspondente a 52 municípios do Agreste, Sertão e Baixo São Francisco, um marco na gestão da segurança pública e da Polícia Científica de Alagoas.

Participaram do evento a primeira-dama Marina Dantas, os deputados estaduais Ricardo Nezinho, Gilvan Barros Filho, a secretária do Gabinete Civil, Luiza Barreiros, os secretários de Segurança Publica, Flávio Saraiva; da Comunicação, Joaldo Cavalcante; o diretor-presidente da Desenvolve, Humberto Lira, entre outras autoridades.

Fonte: Agência Alagoas

Veja Mais

Deixe um comentário