Farmárcia sem alvará sanitário é interditada no Village Campestre

Nessa terça-feira (19), uma farmácia no Village Campestre, parte alta de Maceió, foi interditada pela Vigilância Sanitária municipal (Visa) após a equipe do órgão constatar que o estabelecimento estava funcionando sem  alvará sanitário, documentação para liberação de funcionamento perante as normas da Agência Nacional  de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Visa Maceió

Medicamentos de uso controlado estavam sendo comercializados sem receita médica

Além da falta da documentação, havia evidências de comercialização de medicamentos de uso controlado sem receita médica, realização de serviços sem a presença de responsável técnico, algo que é obrigatório nesse tipo de comercialização e realização de procedimentos proibidos pela Vigilância Sanitária.

Segundo o chefe especial da Visa, Airton Santos, a farmácia tem o prazo de 90 dias para se adequar à legislação sanitária e solicitar a desinterdição. A empresa foi autuada e responderá a processo administrativo. A penalidade inclui multa no valor entre R$180 a R$38 mil, no caso de reincidência.

“Os representantes desses estabelecimentos devem se conscientizar sobre as normas sanitárias, a fim de colaborar com a saúde do consumidor. É um compromisso nosso assegurar a saúde da população, por isso existem normas sanitárias a serem seguidas. Se adequar aos padrões da Anvisa e da visa significa compromisso com a saúde pública”, destacou Airton Santos.

Visa Maceió

Farmácia interditada no Village Campestre

Denúncia

Para denunciar irregularidades, observadas em estabelecimentos fora das adequações sanitárias e que causam riscos à saúde da população, os maceioenses podem entrar em contato no telefone (82) 3312-5495, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, ou pelo WhatsApp (82) 98752-2000, que funciona 24h, todos os dias, para o recebimento de mensagem de texto, foto e/ou vídeo. Todas as denúncias são anônimas, garantindo o sigilo do denunciante.

Veja Mais

Deixe um comentário

Vídeos