Homem foi morto por amigo em residência e logo após desovado em canavial, concluiu PC

A Polícia Civil de Alagoas concluiu o inquérito que apurava a morte de um homem que foi encontrado em avançado estado de decomposição em um canavial na cidade de Santa Luzia do Norte. O achado de cadáver ocorreu em 30 de outubro, deste ano, e de acordo com a PC ele foi morto por um amigo em uma residência em Maceió e foi desovado na região metropolitana.

PC/AL

Corpo foi desovado em canavial na cidade de Santa Luzia do Norte

A vítima foi identificada como Valmir da Conceição Mota, idade não informada. O seu corpo foi encontrado em um canavial. Na ocasião, a PM tinha relatado ao Alagoas24horas que a vítima tinha sido morta em um condomínio residencial, mas sem detalhes. O corpo tinha sido encontrado por populares que acionaram à polícia.

As investigações, que foram realizadas pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), apontam que Valmir foi morto por um homem que se dizia seu amigo e o crime ocorreu em uma residência no Conjunto Eustáquio Gomes, no bairro da Cidade Universitária, na parte alta de Maceió. “O autor que é proprietário do imóvel era tido como amigo da vítima”, destacou o delegado Thiago Prado, responsável pelo inquérito.

PC/AL

Vítima foi morta nesta casa no Eustáquio Gomes pelo próprio amigo

“Lá dentro da residência assassinou a vítima, limpou a residência, lavou a casa com água sanitária e em seguida colocou o cadáver de Valmir dentro do seu próprio veículo e o conduziu até o município de Santa Luzia do Norte”, detalhou o delegado.

Segundo o delegado, o autor do crime está sendo indiciado pelos crimes homicídio duplamente qualificado, pela traição e por ter usado o calibre 9mm para executar a vítima e ocultação de cadáver. O inquérito está sendo enviado ao poder judiciário.

Veja Mais

Deixe um comentário

Vídeos