Passageiros desmaiam de calor após 3 horas presos dentro de avião sem ar-condicionado

Centenas de passageiros da Qatar Airways ficaram presos por três horas a bordo de um avião com portas fechadas sem refrigeração. O sistema de ar-condicionado da aeronave falhou pouco antes do voo decolar do aeroporto internacional de Atenas, na Grécia, rumo a Doha, no Catar na segunda-feira (10).

Vídeos publicados nas redes sociais e por agências de notícias mostram pessoas encharcadas de suor, algumas até desmaiando de desidratação e homens sem camisa (assista acima). De acordo com a Reuters, há também relatos de passageiros com sangramento nasal diante do desconforto.

Alguns passageiros descontentes deram socos na tripulação de cabine durante uma briga, o que levou o capitão a permitir que desembarcassem e retornassem ao aeroporto.

Minutos depois disso, uma fumaça branca foi vista saindo da fuselagem do avião enquanto caminhões de bombeiros estavam de prontidão nas proximidades.

Em nota compartilhada nesta sexta (14), a estatal Qatar Airways, eleita a melhor companhia aérea do mundo em 2024, lamentou pelo incidente. Veja a nota completa abaixo.

A Grécia passa por uma onda de calor com temperaturas acima dos 40ºC. O país, inclusive, anunciou que a Acrópole, um dos pontos turísticos mais famosos, ficaria fechado na quarta-feira (12) como forma de proteger turistas do calorão.

Nota da Qatar Airways sobre o incidente de falha no ar condicionado nesta sexta (14):

“A Qatar Airways pede sinceras desculpas aos passageiros que viajavam no voo QR204 de Atenas (ATH) para Doha (DOH) na segunda-feira, 10 de junho de 2024, pelo atraso devido a um problema técnico.

Como resultado, todos os passageiros foram convidados a desembarcar da aeronave e receberam suporte da nossa equipe no Aeroporto Internacional de Atenas, enquanto as equipes de manutenção em terra trabalhavam para resolver o problema. Posteriormente, o voo partiu de ATH, chegando a DOH às 10h39, horário local, na terça-feira, 11 de junho de 2024, onde estendemos nosso total apoio a todos os passageiros afetados para garantir que fossem realocados em conexões até seus destinos finais.

A segurança dos nossos passageiros e tripulação é nossa maior prioridade em todos os momentos, e na chegada a DOH nos desculpamos a cada passageiro afetado por esta perturbação imprevista e pelos inconvenientes causados. Além disso, os passageiros foram informados dos seus direitos a indenizações de acordo com a regulamentação aplicável.”

Fonte: g1

Veja Mais

Deixe um comentário

Vídeos