Câmara ouve testemunhas contra Chiquinho Brazão nesta terça

Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados

A Comissão de Ética da Câmara dos Deputados deve ouvir amanhã testemunhas no processo contra o deputado Chiquinho Brazão. O deputado está preso desde março e é réu no Supremo Tribunal Federal pelo assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, ocorrido em 2018.

O processo no Conselho de Ética da Câmara já corre há 90 dias sem avanços significativos. A deputada Ja Rocha, relatora do caso, apresentou um cronograma de trabalho das investigações e solicitou o depoimento de seis pessoas para falar sobre o caso.

Nesta terça-feira (9), a Comissão de Ética da Câmara dos Deputados irá ouvir várias testemunhas arroladas no processo referente à representação contra o deputado.

A representação aponta possíveis condutas antiéticas no exercício do mandato de Chiquinho Brazão. Entre os convidados para a audiência de terça-feira estão Eduardo Paes, atual prefeito do Rio de Janeiro, William Coelho, vereador da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, e Ronald Paulo Alves, major acusado de monitorar a rotina da vereadora Marielle Franco.

Alves está recolhido na Penitenciária Federal em Mato Grosso do Sul. Esses convidados ainda não confirmaram se irão comparecer à audiência, seja presencialmente ou por videoconferência na Câmara dos Deputados em Brasília.

Fonte: Jovem Pan News

Veja Mais

Deixe um comentário

Vídeos