Yamal faz história com golaço, Espanha vira sobre a França e vai à final da Eurocopa

A Espanha está na final da Eurocopa! Em um duelo com primeiro tempo alucinante, a equipe saiu atrás, mas contou com o brilho de Lamine Yamal, de apenas 16 anos, para virar para cima da França e vencer por 2 a 1, na primeira das semifinais, disputada nesta terça-feira (9), em Munique.

Os franceses saíram na frente com Kolo Muani logo aos 9, mas Yamal, com um golaço de fora da área, e Olmo, logo na sequência, viraram para os espanhóis.

Com o resultado, a Espanha, tricampeã continental, segue na busca de se tornar a única tetra da Euro. O adversário na decisão será Holanda ou Inglaterra, que se enfrentam nesta quarta (10).

O JOGO

O primeiro tempo do jogo foi eletrizante do início ao fim. Logo aos 9, saiu o primeiro gol francês. Dembélé encontrou Mbappé pela esquerda. O camisa 10 cruzou na medida e achou Kolo Muani, que subiu sozinho e de cabeça, mandou para o fundo das redes.

A desvantagem no placar não desanimou os espanhóis, que já aos 21 buscaram o empate. Lamine Yamal encarou a marcação, cortou Rabiot e bateu colocado. A bola fez uma curva e entrou no ângulo de Maignan. Um golaço! E que fez o jogador de apenas 16 anos se tornar o mais jovem a marcar na Eurocopa.

Aos 24, veio a virada. Dani Olmo pegou a sobra de um corte da zaga francesa na área, limpou Tchouaméni e chutou na direção do gol francês. A bola desviou em Koundé e foi para o gol. Inicialmente, o árbitro havia apontado gol contra do defensor francês, mas depois mudou de ideia e “presenteou” Olmo, que já havia brilhado com um gol e uma assistência nas quartas de final, contra a Alemanha.

Atrás no placar, a França partiu para o ataque na segunda etapa. Aos 7, Tchouaméni teve boa chance de cabeça, mas Unai Simón defendeu. Aos 11, Mbappé tentou, mas o goleiro mais uma vez pegou. Aos 14, Dembélé cruzou forte e Simón fez a terceira boa defesa em sequência.

Na marca de 30, Theo Hernández pegou a sobra e bateu forte, mas a bola subiu demais e foi para fora. No minuto seguinte, Unai Simón quase se complicou. Ele saiu jogando errado e a bola quase foi recuperada pelos franceses antes de sair pela linha de fundo.

Aos 35, Yamal voltou a aparecer para tirar a Espanha do sufoco. Em jogada parecida com seu gol, ele bateu colocado, mas dessa vez a bola foi para fora.

No finalzinho, a França ainda tentou, mas os espanhóis souberam se defender e se garantiram na final.

Fonte: ESPN, com YouTube/GE

Veja Mais

Deixe um comentário

Vídeos