Banco de Leite Humano da Santa Mônica precisa de vidros

O Banco de Leite Humano da Maternidade Escola Santa Mônica está precisando com urgência de vidros de café solúvel e de maionese para pasteurização, armazenamento e distribuição do leite materno doado para os bebês prematuros e de baixo peso internos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) da unidade maternal.

De acordo com a coordenadora do Banco Leite, a pediatra neonatologista Andréa Pinheiro, o serviço utiliza cerca de cem vidros diariamente no processo de pasteurização, coleta e transporte do leite humano. “Estamos em situação de emergência para arrecadar esses vidros. Pedimos o apoio da população alagoana, pois a manutenção do nosso estoque significa o melhor desenvolvimento dos bebês prematuros. Não podemos desperdiçar um alimento tão precioso por não termos os vidros adequados para o processo de pasteurização”, destaca.

Ela ressalta que devido a alta temperatura do processo de pasteurização os vidros são reutilizados em média 3 ou 4 vezes, exigindo constantes substituições. Além disso, com a prática da compra de sachês, o fluxo de vidros nas residências e, consequentemente das doações dos mesmos diminuiu. “Agora eu peço que as pessoas que tiverem vidros guardados em casa que doem para o setor ”, apela a pediatra.

O BLH da Santa Mônica funciona 24 horas por dia, atendendo e orientando as gestantes e mães que amamentam e podem se tornar doadoras. Para doar os vidros, basta ligar para o número (82) 3315.4434 ou procurar a equipe do Banco de Leite na maternidade.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações