Chacina provoca a morte de um menor no Benedito Bentes

Segundo testemunhas assassinos cometeram os disparos por engano

ALAGOAS 24 HORASParamédicos do SAMUR prestam assistência a uma das vítimas da chacina do Bendito Bentes I

Paramédicos do SAMUR prestam assistência a uma das vítimas da chacina do Bendito Bentes I

Uma chacina no Conjunto Benedito Bentes I, próximo ao Terminal de Integração do Mucambo, resultou na morte de um menor, por volta das 2h deste domingo. O estudante Alexandro Florentino de Deus, 15 anos, foi assassinado com um tiro na cabeça e, seu irmão, Francisco Florentino, 21 anos, foi ferido na perna esquerda e no pescoço. Segundo informações dos familiares das vítimas, cerca de três homens chegaram armados a casa onde os dois rapazes dormiam e, ao baterem a porta, começaram a deflagrar os disparos.

Mesmo pedindo para que os assassinos parecem, “os meliantes estavam prontos para matar”, afirmaram testemunhas ao Alagoas 24 Horas – que chegou ao local acompanhado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). “Minha mãe começou a chorar e pedir por amor de Deus que eles parecem com aquilo, pois meus irmãos eram inocentes. Mesmo assim eles continuaram e, só pararam quando viram eles caídos no chão”, contou à reportagem do Alagoas 24 Horas Edvaldo dos Santos.

Engano

Após cessarem os disparos, um dos assassinos teria perguntado o nome de uma das vítimas e, ao ouvir a resposta, teria gritado que cometeram um engano – evadindo-se do local. “Quando perceberam que meus irmãos não eram quem eles procuravam, fugiram de nossa casa, mas infelizmente nosso irmão morreu inocente, sem dever nada a ninguém. Eles nunca roubaram e nem faziam uso de drogas”, garantiu outro irmão da vítima, Valdomiro dos Santos.

Já agonizando, Alexandro Florentino foi levado por uma viatura da Polícia Militar (PM) para o Mini Pronto Socorro Denilma Bulhões, mas faleceu ao ser atendido pela equipe médica de plantão. “Quando ele deu entrada no Mini-Pronto Socorro seu estado já era irreversível”, afirmou um dos médicos plantonistas que preferiu não ser identificado. Já o sobrevivente, Francisco Florentino, foi levado pela equipe do SAMU para a Unidade de Emergência Dr. Armando Lages, no bairro do Trapiche.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *