Quatro mortos e mais de cem mil feridos no Japão

Após deixar vários feridos ontem no arquipélago de Okinawa [sul do país], o Nabi alcançou, hoje, a costa oeste da ilha de Kyushu, no sul do Japão. Ao menos quatro pessoas morreram e mais de cem mil tiveram de abandonar suas casas em razão dos efeitos do tufão Nabi.

Miyazaki e Kagoshima, também em Kyushu, registraram desde o domingo mais de mil milímetros de chuvas, acompanhadas de rajadas de vento de 126 km/h, que provocaram deslizamentos de terra e inundações.

A cinco dias das eleições legislativas no Japão, o primeiro-ministro Junichiro Koizumi cancelou sua visita ao oeste do país para permanecer em Tóquio, onde o governo montou um grupo para monitorar as conseqüências da passagem do tufão. O Nabi [que significa borboleta em coreano] é o 14º tufão da temporada e o terceiro que atinge a costa japonesa.

O governo enviou 70 integrantes da Defesa Civil para reforçar barreiras, ajudar na remoção dos moradores e proporcionar qualquer tipo de ajuda nas áreas atingidas pelo Nabi.

Outro tufão, o Talim, deixou ao menos 102 mortos e 33 desaparecidos quando passou recentemente pelo leste da China. Os prejuízos econômicos chegam a US$ 1,5 bilhão na região.

Fonte: Folha Online

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações