Petróleo encerra em alta

O preço do petróleo fechou hoje em alta , estimulado por uma cobertura de posições no final do pregão, após o governo dos Estados Unidos anunciar que a recuperação da produção na costa norte-americana do Golfo do México tinha estacionado.

Os contratos com entrega para outubro subiram 0,12 dólar, a 64,49 dólares por barril. Em Londres, o tipo Brent ganhou 0,19 dólar, a 63,08 dólares por barril.

Segundo o governo, 901.726 barris da produção diária de petróleo, ou 60,12 por cento da produção do país na região afetada, continuavam parados na manhã desta quinta-feira. Na quarta-feira, esse número era de 860.568 barris, ou 57,37 por cento.

"O mercado ainda espera falta de abastecimento prolongada, com muitas refinarias ainda inundadas", afirmou o analista Marshall Steeves, do Refco Group em Nova York.

A mudança para território positivo interrompeu a série de três sessões de queda no preço do petróleo, durante a qual o contrato para outubro recuou mais de 5,00 dólares.

Os estoques de petróleo nos EUA caíram 6,4 milhões de barris na última semana, para 315 milhões, disse nesta quinta-feira a Administração de Informação de Energia (AIE).

Os estoques de gasolina recuaram 4,3 milhões, para 190,1 milhões de barris. As reservas de derivados tiveram recuo de 800 mil barris, para 134,4 milhões.

Analistas ouvidos pela Reuters esperavam, em média, queda de 6,4 milhões de barris nos estoques de petróleo bruto. Para as reservas de gasolina, os analistas consultados estimavam recuo de 6,2 milhões de barris. No caso dos derivados, a queda estimada era de 2,6 milhões de barris.

"Os dados da AIE foram muito fracos, mas as pessoas esperavam que eles seriam piores ainda", disse Phil Flynn, analista do Alaron Trading, em Chicago.

"Isso deu ao mercado muita confiança de que com a expetativa que as importações vão aumentar dramaticamente nas próximas semanas, devemos ter petróleo suficiente para atravessar esse período difícil."

Veja Mais

A matemática dos favoritos

Não importa a modalidade, sempre existirá um favorito. Todas as competições esportivas, individuais ou coletivas, têm uma lista de candidatos...

Deixe um comentário