"Onde está a assinatura de Becker?"

“Nesse caso, a assinatura de Becker estava abaixo da secretária de Política de Assistência Social Nelma de Azeredo.”

O trecho reproduzido acima, publicado na “Gazeta de Alagoas”, foi extraído de notícia relativa a um possível favorecimento da Casa Civil a José Carlos Becker, filho do ex-ministro José Dirceu. Na condição de testemunha, ele assinou processos para a liberação de recursos do Orçamento da União.

De acordo com o texto, a assinatura de Becker estava abaixo da secretária de Política de Assistência Social. Como será possível uma assinatura estar abaixo de uma pessoa?
Diferentemente dos vários mistérios que cercam as apurações empreendidas pelas CPIs em andamento no país, esse é de fácil solução. Onde, afinal, está a assinatura de Becker? Só poderá estar abaixo da assinatura de outra pessoa, que, no caso, é a secretária de Política de Assistência Social, cujo nome é Nelma de Azeredo!
Para reformular o texto, é necessário repetir a palavra “assinatura” ou, pelo menos, o “da” (combinação de preposição com artigo) que exprime relação de posse (no contexto, relaciona a assinatura à pessoa a quem ela pertence).
Observe ainda que o nome “Nelma de Azeredo” é um aposto explicativo de “secretária de política de Assistência Social”, motivo pelo qual deve ser separado por uma vírgula. Em outras palavras, só existe uma pessoa cujo cargo seja o de secretária de Política de Assistência Social.
Assim, do ponto de vista gramatical, seu nome assume caráter de informação suplementar, devendo ser separado por vírgulas.

Veja, abaixo, o texto corrigido:

Nesse caso, a assinatura de Becker estava abaixo da da secretária de Política de Assistência Social, Nelma de Azeredo.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *