Debate sobre desigualdade supera desarmamento, diz Íris

A senadora Íris de Araújo (PMDB-GO) disse, em discurso nesta quinta-feira (13), que em vez de discutir a proibição ou não do comércio de armas e munição, o país deveria estar travando um "debate autêntico" em torno das desigualdades sociais.

– Outra vez desviamos o eixo do autêntico debate que deveria existir no país. Em vez do tema do desarmamento, o que precisava ser tratado, neste momento, seriam os rumos de uma Nação que precisa empreender uma mudança radical em suas estruturas, por meio da adoção de medidas corajosas que coloquem um freio nas desigualdades e nas injustiças, fonte maior da violência e dos desajustes- afirmou.

Para Íris, o problema da violência urbana seria melhor combatido, por exemplo, com medidas que garantissem ensino público gratuito, em tempo integral e de qualidade para crianças e adolescentes.

– É preciso atacar de frente o desemprego com incentivos vigorosos à produção, à pequena e média empresas, fomentando o mercado interno e abrindo oportunidades para a juventude. É necessário fazer a aposta decisiva na educação enquanto único caminho para o desenvolvimento equilibrado e duradouro- comentou.

Em aparte, o senador Paulo Paim (PT-RS) afirmou que o equilíbrio na distribuição de renda é a melhor forma de combate à violência.

Fonte: Agência Senado

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *