Agente penitenciário baleado na manhã de hoje morre na Unidade de Emergência

O agente penitenciário Emanuel de Moura Neves, 37 anos, que atuava no Presídio Rubens Quintella, faleceu no final da tarde na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) da Unidade de Emergência Armando Lages.

Ele foi vítima de uma emboscada hoje pela manhã quando se divertia com colegas de trabalho num bar próximo a passarela da Universidade Federal de Alagoas (Ufal). Emanuel, que trabalhava no sistema prisional há algum tempo, tinha acabado de sair de seu plantão de 12 horas no Rubens Quintella.

Segundo testemunhas, um Fiat Uno de cor verde – ninguém anotou a placa – se aproximou rapidamente e um dos ocupantes efetuou os disparos sem que a vítima movesse qualquer reação.

Emanuel foi atingido por três disparos, sendo um na cabeça. Ele ainda chegou a ser levado com vida à Unidade de Emergência. Os médicos atestaram que o quadro clínico de Emanuel era grave e praticamente irreversível. Por volta das 16h15, o agente teve a morte confirmada.

A polícia ainda não tem suspeitos de quem cometeu o crime. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Plantão II, no bairro do Tabuleiro.

Leia também

Veja Mais

Deixe um comentário