São Paulo mantém rotina e afunda Corinthians

Entre classificados e traumatizados, vantagem para os primeiros. Mantendo a rotina de vitórias sobre o Corinthians, que vem de eliminação caótica na Copa Libertadores, o São Paulo piorou ainda mais o ambiente do arqui-rival ao vencer por 3 a 1 neste domingo, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Com isso, deixa mais uma vez um treinador alvinegro com o emprego em risco.

Jogando no estádio Benedito Teixeira, em São José do Rio Preto, por temer nova revolta da torcida alvinegra (que protagonizou cenas de vandalismo na derrota para o River Plate), os dois times fizeram um duelo digno da tradição e da história que envolve o clássico. O futebol ofensivo, em uma partida disputada, valorizou o duelo, mas rendeu mais frutos ao São Paulo.

Classificado às quartas-de-final da Libertadores após superar o Palmeiras, o time tricolor mais uma vez contribuiu para a crise rival, feito comum nos últimos anos. O São Paulo não perde para o clube do Parque São Jorge desde a final do Campeonato Paulista de 2003. Desde então, foram sete vitórias e três empates.

Já o Corinthians, em clima tenso e com o temor de mais uma vez ter um técnico demitido após tropeço frente ao arqui-rival, perde a oportunidade de obter seu segundo triunfo no Nacional (possui três pontos) e amenizar o conturbado ambiente causado pela derrota para o River Plate, que o eliminou da Libertadores.

Mesmo com a derrota, o Corinthians garantia antes da partida que o rival do Morumbi não causaria neste domingo a demissão de seu técnico pela 15ª vez. Na atual temporada, por exemplo, Antonio Lopes foi o 13º treinador (Dino Sani caiu duas vezes após o clássico) a ser vítima do São Paulo, ainda durante o Campeonato Paulista.

O clube do Morumbi, com o triunfo, chega aos nove pontos na competição nacional e obtém sua primeira vitória como visitante. Já o Corinthians amarga sua terceira derrota e permanece na parte de baixo da tabela.

Pelo Brasileiro, as duas equipes voltam a campo no próximo domingo, dia 14 de maio. Às 16h, o São Paulo encara o Internacional no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. Depois, às 18h10, o Corinthians vai até Maringá, onde enfrenta o Paraná no estádio Willie Davis.

Antes da competição nacional, porém, o time tricolor começa as quartas-de-final da Copa Libertadores diante do Estudiantes. O primeiro confronto contra os argentinos acontece nesta quarta-feira, na casa do adversário. O segundo, no Morumbi, será depois da Copa do Mundo.

Fonte: Uol

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *