Hezbolá aceita que Líbano negocie troca com Israel

O Hezbolá xiita, que em 12 de julho passado capturou dois soldados israelenses, aceitou que o governo libanês negocie uma troca de prisioneiros com Israel, anunciou neste domingo à imprensa o presidente do Parlamento libanês, Nabih Berri.

O ministro libanês das Relações Exteriores, Fauzi Sallukh, havia afirmado hoje que os dois soldados israelenses capturados há 12 dias pelo Hezbolá "gozam de boa saúde e estão em lugar seguro". Salukh condicionou ainda a entrega dos dois soldados seqüestrados por um cessar-fogo israelense.

A ofensiva israelense já matou 355 pessoas no Líbano, a maioria civis. Os ataques do Hezbolá contra Israel mataram 34 pessoas.

Fonte: Terra

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *