Blog

Crônicas e Agudas por Walmar Brêda

Walmar Coelho Breda Junior é formado em odontologia pela Ufal, mas também é um observador atento do cotidiano. Em 2015 lançou o livro "Crônicas e Agudas" onde pôde registrar suas impressões sobre o mundo sob um olhar bem-humorado, sagaz e original. No blog do mesmo nome é possível conferir sua verve de escritor e sua visão interessante sobre o cotidiano.

Todas as postagens são de inteira responsabilidade do blogueiro.

15 contos


Conversando certa vez com um amigo médico, perguntei-lhe sobre seus filhos e o  que estavam fazendo da vida. Ele então desabafou:

-O mais velho formou-se em medicina, mas tem me dado um pouco de dor de cabeça.
-Por que?  -perguntei, curioso.
-É que ele já está formado há mais de dois anos e nem pensa em fazer prova de residência.  Fica lá num PSF de interior e não quer fazer uma especialidade agora; diz que quer curtir a vida e do jeito que está, está bom demais. Já pensou? Ele diz isso agora, mas se não sair para fazer uma residência, vai acabar ganhando 15 contos pro resto da vida…
-E o outro? -perguntei.
-Bem, o segundo formou-se em administração e eu nem sei ao certo  o que ele faz, só sei que são uns negócios pela internet.  Mas, não faço a menor ideia do que se trata, quanto ganha, nem nada.  Já está nisso há um tempão e eu não vejo sair do canto.  Ele é muito cuca fresca e me diz para eu relaxar que daqui a um tempo vai estar ganhando dinheiro com os negócios que anda fazendo. Bem, eu não entendo muito não, mas por mim ele largava isso e, como  sempre foi muito inteligente, sentava a bunda numa cadeira e metia a cara para estudar para passar num concurso que ganhasse uns 15 mil reais por mês pro resto da vida, porque aí sim, eu ficaria tranquilo..
Pois é, meu amigo não se deu conta que as expectativas completamente diferentes  de um filho para o outro, tornavam, para ele,  o mesmíssimo  salário um fracasso e uma conquista.
Claro que isso acontece em nossas vidas nas mais diversas situações -a conquista de alguns pode ser um fracasso para outros.
Às vésperas do ano novo que se aproxima onde fazemos planos e criamos, muitas vezes, algumas expectativas, o que seria para nós, afinal, um ótimo ano? Para muitos, apenas atravessá-lo e chegar vivo ao seu fim junto com os nossos entes queridos, já é suficiente. Para outros perder peso, ganhar dinheiro, ou simplesmente encontrar um amor…
E para você, “15 contos” pro resto da vida é uma conquista ou uma derrota? O que você pretende para o resto da sua vida? O que é “15 contos” para você ?

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *