Blog

Bispo Filho

Bispo Filho é Administrador de Empresas e Estudante de Jornalismo.

Todas as postagens são de inteira responsabilidade do blogueiro.

Primeira Live Católica da Comunidade Terapêutica Mãos de Alagoas em Santa Luzia do Norte

Em virtude da quarentena e dos riscos de contágio que aglomerações causam, eventos católicos não ocorrerão presencialmente.

Porém, com o auxílio da Internet e da tecnologia, as pessoas poderão apreciar momentos de louvor em suas próprias casas.

A Live realizada ontem na Comunidade Terapêutica Mãos de Alagoas em parceria com a Igreja de Santa Luzia de Siracusa, em Santa Luzia do Norte nos proporcionou momentos de alegria baseada na Fé.

Os diretores da instituição Mãos de Alagoas Ronnie Reyner Mota e sua esposa Fernanda Mota receberam o Padre Luciano e sua equipe de evangelização com grande alegria e muita Fé.

A ‘alegria’ significa uma satisfação compartilhada com as pessoas’; e ‘a ‘alegria’ é compartilhar a sabedoria e a benevolência com os outros’.

O ponto principal é que a alegria é algo que compartilhamos com os outros.

Preocupar-se unicamente com a própria felicidade é egoísmo.

Preocupar-se apenas com a felicidade dos outros é hipocrisia.

A verdadeira felicidade é tornar-se feliz junto com os outros.

Não há nenhuma dificuldade em se tornar feliz sozinho.

Isso é fácil.

Ajudar as outras pessoas a se tornarem felizes é a base de nossa Fé, e este é um dos pilares da Comunidade Terapêutica Mãos de Alagoas.

Esta ideia é mais do que natural em nosso dia-a-dia, pois como poderemos dizer que somos felizes, com saúde, dinheiro e harmonia, se quando saímos para a rua nos deparamos com violência ou sofrimentos de outras pessoas?

Da mesma forma, como poderíamos dizer que somos felizes pelo fato de os amigos, os familiares e conhecidos terem plena prosperidade, se ainda passo por dificuldades?

Nada é maior do que a alegria de ver outras pessoas tornando-se felizes como resultado de nossos próprios esforços, com diálogo e sinceridade.

E, quando nos alegramos diante da felicidade dos outros, nossa própria vida torna-se cada vez mais pura.

É um ciclo que fortalece a nossa Fé.

Por outro lado, o comportamento que temos diante de um problema mostra como está a nossa alegria da Fé.

Quando surge um obstáculo podemos agir de duas formas:

Uma é lamentando ou reclamando da má sorte;

A outra forma é determinando ser ainda mais forte, a enfrentar e desafiar esse obstáculo, como uma maneira de autoaprimoramento e crescimento.

Esta última forma é como geralmente agem as pessoas que desfrutam da alegria da Fé.

Que venham mais Lives como esta que proporcionou aos internautas e aos jovens internos da Comunidade Terapêutica Mãos de Alagoas momentos de Reflexão, Fé e Alegria com as músicas executadas brilhantemente pelos jovens da Paróquia de Santa Luzi de Siracusa.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *