Política

Deputado Celso Luis suspende sessão na ALE

Sessão na ALE é suspensa para análise do PDV

Com a presença de apenas 17 dos 27 deputados, o presidente da Assembléia Legislativa de Alagoas (ALE), Celso Luiz (PMN), abriu a sessão e suspendeu em seguida até que o parecer jurídico sobre a reintegração, ao serviço público, dos ex-servidores do Estado que aderiram ao Programa de Desligamento Voluntário (PDV).

Lula sanciona leis que recriam Sudam e Sudene

Com a publicação dos decretos, que estabelecerão a estrutura regimental e o quadro de cargos em comissão, ficarão extintas as Agências de Desenvolvimento da Amazônia (ADA) e de Desenvolvimento do Nordeste (Adene).

Governadores estréiam com corte de gastos

Sem dinheiro em caixa para fazer obras de infra-estrutura e retomar a capacidade de investimentos, e com boa parte da receita comprometida pela rolagem das dívidas dos Estados, pelo menos 19 governadores tomaram posse decididos a reduzir gastos.

Cícero Ferro chamou a atenção para a violência no interior do Estado

Clima entre deputados esquenta na Assembléia Legislativa

O clima entre os deputados esquentou na sessão desta tarde na Assembléia Legislativa. Tudo começou quando os parlamentares decidiram criticar a entrevista concedida pelo deputado Cícero Amélio (PMN) ao jornalista Ricardo Mota, pela manhã, na TV Pajuçara, na qual ele prometeu dar transparência ao Legislativo, caso o futuro presidente da Casa seja o deputado Antônio Albuquerque (PFL). “Mentiroso, ladrão”, foram termos usados no plenário contra Amélio.

Renan destaca importância de cada novo senador

Renan destaca experiência dos quatro novos senadores

Na cerimônia de posse dos novos quatro senadores ocorrida nesta quarta-feira (3), o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), destacou pontos da biografia e da vida pública de Adelmir Santana (PFL-DF), José Nery Azevedo (PSOL-PA), Neuto de Conto (PMDB-SC) e Paulo Duque (PMDB-RJ).

Osvaldo Viégas defende mais recursos para a cultura

O novo secretário defende a aplicação de 1% da receita corrente líquida do Estado no setor, o que representaria um montante de R$ 24 milhões, quase sete vezes a mais do que está previsto no Orçamento de 2007 a ser apreciado pela Assembléia Legislativa.