Exemplo: médico tem 60 anos dedicados à saúde municipal

Neno Canuto

Dr. Embs de Araújo Lisboa, gerente médico da Pitanguinha

Com uma vida voltada à medicina, o gerente médico da Unidade de Referência da Pitanguinha, Embs de Aragão Lisboa, de 86 anos, é exemplo de dedicação e amor a profissão que escolheu há mais de 60 anos: ser médico. Nesta quinta-feira (18), quando é comemorado o dia desse profissional responsável por cuidar da saúde da população, ele relembra a sua atuação juntos aos órgãos de saúde de Maceió.

Formado pela Universidade Federal de Alagoas em 12 de dezembro de 1958, o médico nunca parou de trabalhar. Na Prefeitura de Maceió há quase 60 anos, ele já atuou em todas as áreas voltadas para a medicina, antes mesmo da criação da Secretária Municipal de Saúde.

Atualmente ele está aposentado tanto do Município, quanto da Ufal, onde também foi professor, mas isso não faz com que a responsabilidade e empenho em seu ofício sejam menores, sendo o primeiro a chegar na unidade todos os dias. Mesmo com cargo de gestor e sem a obrigatoriedade de atender, ele faz questão de auxiliar os pacientes sempre que necessário

“Eu sempre quis fazer isso desde pequeno e não tive a influência de ninguém. Mas, naturalmente, durante a faculdade eu fui sentindo prazer, principalmente na área de cirurgia. Gosto muito de lidar com o público, de atender, por isso ainda hoje estou aqui”, contou.

Disciplina, zelo e vontade de trabalhar, além do amor que sente pela profissão e pelos pacientes são os principais pontos destacadas pelo profissional. “Eu acho que o médico tem que saber dialogar com o paciente, ouvi-lo, e eu sempre gostei, por isso fiz muitas amizades. Hoje eu já atendi, já mediquei paciente, e isso me realiza. Se eu fosse hoje recomeçar a minha vida, voltaria a ser médico. Eu faço porque gosto, estou satisfeito e pra mim não tem profissão melhor”.

A diretora administrativa da unidade, Mariana Vasconcelos, não esconde a admiração que sente pelo trabalho desenvolvido por Embs, que é referência em todo o serviço municipal. Os dois gestores desenvolveram uma relação de amizade baseada na confiança e entrega profissional.

“Trabalhar com o doutor Embs é um aprendizado e é muito gratificante, um presente em minha vida. E eu vejo a maneira como ele trata as pessoas, como ele vive a medicina, a vontade de viver e os planos que ele tem. Então trouxe para minha vida profissional e pessoal muita garra, ele é um espelho mesmo. Espero chegar na idade dele assim”, ressaltou Mariana.

Na unidade, atuam vários médicos que já foram alunos do doutor Embs, como é caso da pediatra Alba Lúcia Leite, formada há mais de 40 anos.

“Ele era um professor que fluía com muita facilidade pelos corredores, um amigo, muito brincalhão. Ele não tinha nariz empinado com os estudantes, nem a vaidade enrustida como muitos têm. Um profissional muito humilde, o que é muito importante na relação seja com o paciente, seja com o aluno”, comentou.

Mesmo com tantos anos na medicina, a intenção do doutor Embs é seguir exercendo aquilo que traz tanta realização, como ele gosta de enfatizar. “Até quando eu estiver raciocinando, podendo medicar, fazer diagnóstico, eu continuarei exercendo a medicina. E eu sempre gostei, inclusive, de transmitir, orientar, tudo com muita satisfação. Eu me sinto realizado e isso é algo muito agradável”, concluiu o médico

Para ser um bom médico, Embs acredita que é necessário ter empatia pelos pacientes. “Eu gosto muito de trabalhar com aqueles que necessitam, eu me preocupo e me coloco no lugar dos outros. Quando chega algum paciente aqui eu já procuro resolver logo a situação. Eu sinto essa necessidade. E medicina é isso, fazer com gosto, com satisfação, não pelo dinheiro”.

Homenagens

O médico também recebeu a maior honraria concedida a profissionais da área de saúde, a comenda Arthur Ramos, que foi entregue há cinco anos pela Câmara Municipal de Maceió. Outra homenagem recebida foi dada pela Santa Casa de Misericórdia de Maceió, onde atuou mais de 20 anos, e integra a irmandade.

Fonte: Secom Maceió

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *