Motociclista fura bloqueios em ponte e 2 morrem degolados por corda de nylon

Capacete de motociclista morto na Ponte Vila Maria — Foto: Reprodução/TV GloboG1

Um motociclista e o garupa morreram degolados por uma corda de nylon na madrugada deste sábado (17) após a dupla furar dois bloqueios montados pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) para impedir o trânsito durante obras na Ponte Jânio Quadros, na Zona Norte de São Paulo.

A ponte, conhecida como Vila Maria, foi bloqueada na sexta-feira (16) no sentido bairro.

A corda atravessava a via e estava fixada em duas grades, mas a CET ainda não explicou a finalidade dela. A corda atingiu o pescoço do motociclista William de Souza Falcão, de 30 anos, que foi decapitado. O homem que estava na garupa sofreu um corte profundo no pescoço e também morreu.

Em nota, a CET disse que “os bloqueios de interdição para as obras de reforço da ponte da Vila Maria foram feitos por uma barreira com cerca de 50 cones em dois pontos – acesso da Marginal para a ponte, com cones, e viatura da CET com 2 agentes – e outro bloqueio na Av. Guilherme Cothing com rua Juvenal Gomes Coimbra – com mais uma viatura e dois agentes”.

“Os motociclistas não atenderam ao pedido dos agentes para não passar. Não houve alteração no cronograma de obras em função do acidente e as obras foram retomadas às 5h deste sábado, 17”, diz o texto.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados por volta das 2h deste sábado, encontrando as duas vítimas. Um boletim de ocorrência foi registrado na Polícia Civil e a perícia técnica foi acionada para o local.

Fonte: G1

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações