Recuperação Judicial: um direito da empresa

Não é novidade nenhuma nos dias atuais uma empresa entrar com pedido de recuperação judicial. E foi o que fez a Organização Arnon de Mello para encontrar alternativas e soluções para as suas dificuldades econômicas-financeiras. Coisa do outro mundo? Certamente que não.

Em Alagoas, por exemplo, dezenas de grandes empresas, de construtoras às usinas de açúcar, entraram em recuperação judicial. A dimensão dada à Organização Arnon de Mello, entretanto, foi, sem dúvida, uma maneira de politizar o assunto por que o seu timoneiro é senador da República. Uma coisa, parece, não tem nada a ver com a outra.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações