Juiz de caso Giovana vê incoerência em resultado do Júri; Assista

ReproduçãoWhatsApp Image 2017-10-12 at 10.28.00

Logo após ler a decisão do corpo de jurados que definiu o futuro de Mirella Granconato no caso que envolve o assassinato da universitária Giovanna Tenório, o juiz John Silas deu entrevista analisando a absolvição de assassinato seguida de condenação por ocultação de cadáver. Para o juiz, apensar da soberania do Júri, há incoerência na decisão. O magistrado esclareceu que cabe ao Ministério Público recorrer ou não da decisão. O MP já se pronunciou o confirmou que irá recorrer da decisão.

Sillas esclareceu que se o Tribunal entender que o júri deve ser anulado, Mirella pode voltar ao banco dos réus.

Entenda o caso
Mirella é absolvida de assassinato e condenada por ocultação de cadáver

Assista trecho da fala do magistrado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *