Com dois de Messi, Barcelona vence United e está na semifinal da Champions

UFC Barcelona

O Barcelona não tomou conhecimento do Manchester United, jogando em casa nesta terça-feira, e garantiu vaga às semifinais da Liga dos Campeões após vitória por 3 a 0 sobre os ingleses. Com protagonismo de Lionel Messi, o time catalão abriu vantagem cedo na partida de volta das quartas e avançou com placar agregado de 4 a 0.

Depois da vitória por 1 a 0 no jogo de ida, o Barça só precisava de um empate no Camp Nou para avançar. A equipe comandada por Ernesto Valverde, porém, contou com o talento do seu camisa 10 e falhas da defesa do United para construir a vitória ainda na primeira etapa.

Aos 16 minutos, Ashley Young perdeu bola na frente de Messi. O argentino dominou, partiu para cima, deu bela caneta em Fred e bateu com precisão no canto direito do De Gea. Quatro minutos depois, o goleiro falhou bizarramente em batida da entrada de fora da área e o camisa 10 ampliou.

Na segunda etapa, a equipe catalã fechou o placar com golaço de Philippe Coutinho. O brasileiro arrematou mais um belo chute de longa distância e a bola entrou no ângulo direito de De Gea.

Na semifinal do torneio continental, o Barça enfrentará o vencedor de Liverpool e Porto, que decidem o confronto nesta quarta-feira, em Portugal. Na partida de ida na Inglaterra, os mandantes venceram por 2 a 0.

Domínio do Barça no 1º tempo

Logo aos 40 segundos de bola rolando, o Manchester United assustou o adversário e teve sua principal chance de toda a partida. Rashford saiu na cara do gol e acertou o travessão de Ter Stegen.

Aos 11 minutos, o Barcelona começou a assustar a meta dos ingleses. Após passe de Coutinho, Raktic caiu dentro da área e arbitragem marcou pênalti por suposto toque do volante Fred. O lance, porém, foi revisto pelo VAR e anulado no minuto seguinte.

Aos 16 minutos, os mandantes abriram o placar na combinação entre falha da defesa adversária e genialidade de Messi. Após o lateral-direito Ashley Young perder a bola na frente do argentino, o camisa 10 partiu para cima e não teve conhecimento do volante Fred, aplicando uma bela caneta no brasileiro. Após o drible, Messi bateu firme da entrada da área para anotar o gol no canto direito da meta de De Gea.

Aos 20, o Barça ampliou e praticamente sacramentou sua classificação. Desta vez, mais por falha da defesa do que por méritos do argentino. Em novo arremate de fora da área, Messi bateu no centro do gol e contou com falha absurda de De Gea, que caiu em câmera lenta e não conseguiu defender a finalização. 2 a 0 para os mandantes

Ainda antes do final da primeira etapa, aos 46, Messi fez grande jogada no meio-campo e acionou Jordi Alba na ala esquerda, o lateral cruzou e Sergi Roberto bateu para grande defesa de De Gea.

Segundo tempo administrado

Controlando a partida com a grande vantagem no placar, o Barcelona deu números finais ao jogo aos 15 minutos da segunda etapa, em belo arremate de Philippe Coutinho. O brasileiro dominou passe de Jordi Alba pelo lado esquerdo da intermediária e arriscou. A bola foi firme no ângulo direito de De Gea, sem chance para defesa.

Três minutos depois, Messi quase anotou o terceiro em uma pintura de jogada. Após lançamento de Busquets, a bola sobrou na área após corte de Lindelof e o argentino tentou emendar uma bicicleta. A redonda passou caprichosamente ao lado direito da meta do gol do United.

FICHA TÉCNICA
BARCELONA 3 X 0 MANCHESTER UNITED

Local: Estádio Camp Nou, em Barcelona (Espanha)
Data: 16 de abril de 2019
Horário: 16h00 (horário de Brasília)
Árbitro: Felix Brych (Alemanha)
Assistentes: Mark Borsch e Stefan Lupp, ambos da Alemanha
Cartões amarelos:
Cartões vermelhos:
Gols:
Barcelona: Messi, aos 16 e 20 do 1º tempo e Coutinho, aos 16 do 2º tempo

BARCELONA: Ter Stegen; Sergi Roberto (Semedo), Piqué, Lenglet e Jordi Alba; Sergio Busquets, Arthur (Vidal) e Rakitic; Coutinho (Dembélé), Messi e Suárez.
Técnico: Ernesto Valverde

MANCHESTER UNITED: De Gea; Jones, Lindelof, Smalling e Ashley Young; Fred, McTominay e Pogba; Lingard (Sánchez), Martial (Dalot) e Rashford (Lukaku).
Técnico: Ole Gunnar Solskjaer

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações