Após ser ‘jurado de morte’, homem é executado a tiros em parada de ônibus

Um homem, que havia sido ‘jurado de morte,’ foi executado a tiros em uma parada de ônibus no bairro de Guaxuma. O homicídio ocorreu neste sábado (15) e segundo informações repassadas pela Polícia Militar, o autor – que não teve a identidade divulgada – fugiu após cometer o assassinato.

José Cristiano dos Santos, de 29 anos, morreu após ser atingido por disparos de arma de fogo na cabeça, pescoço e costas. O samu chegou a ser acionado, mas apenas pôde constatar o óbito. Apesar da autoria do crime ser conhecida pelas autoridades policiais, a PM não informou o que teria motivado a ameaça e o consequente crime.

O corpo de José Cristiano foi encaminhado para o IML de liberado para sepultamento. O crime deve ser investigado pela Delegacia de Homicídios da Capital.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações