Jovem de 18 anos confessa ter assassinado mototaxista no São Jorge

Alagoas24horasEdenilson Silva dos Santos Júnior, acusado de matar o mototaxista no São Jorge.

Edenilson Silva dos Santos Júnior, acusado de matar o mototaxista no São Jorge.

A polícia conseguiu elucidar o assassinato do mototaxista, morto a facadas no bairro São Jorge. Fato ocorrido por volta das 11 horas da manhã desta sexta-feira, 12. Informações colhidas junto à polícia dão conta que o assassino seria Edenilson Silva dos Santos Junior, 18 anos, conhecido como “Firmino”, por causa da aparência com o jogador de futebol.

Edenilson teria dito inicialmente que matou o mototaxista Nestor Roberto da Silva Filho, de 47 anos, em legítima defesa. Na versão do rapaz, a vítima puxou um canivete no momento em que parou a motocicleta. A reação dele foi esfaqueá-lo. O acusado ainda não explicou o motivo pelo qual carregava uma faca consigo.

Após oitiva com o delegado Fábio Costa, chefe da Delegacia de Homicídios da capital, ele confessou o crime e demonstrou frieza. “Ele disse que matou para roubar a motocicleta. O assassino, agora réu confesso, se passou por cliente e num lugar ermo tentou roubar o veículo. Ao perceber que usava uma faca, a vítima tentou impedir o roubo e foi esfaqueada. A única coisa que ele disse, friamente, foi ‘eu queria uma moto’, afirma o delegado, em matéria enviada à imprensa pela Secretaria de Segurança Pública.

Alagoas24horasEdenilson Junior

Edenilson Junior

Ele contou ainda que guardou a moto da vítima na casa da namorada, no Jacintinho e foi para a residência dos pais, em Cruz das Almas. No momento em que a polícia chegou, o rapaz estava dormindo. O pai de Edenilson disse a polícia que o rapaz comentou que “havia feito uma besteira”.

Alagoas24horas1

Versão da Polícia

O capitão Viana, do Batalhão de Eventos (BPE), conta que primeiro recebeu uma ligação anônima informando que o assassino do mototaxista estaria na Rua Santo Antônio, no Jacintinho. Ao chegar lá, a equipe da PM descobriu que no local só estava a moto roubada da vítima, uma Honda Bross preta, de placa NMM-5546.

Momento após, o pai da vítima entrou em contato com Viana informando que o rapaz iria se entregar à polícia. No entanto, como as equipes do Bope e Delegacia de Homicídios já estavam atuando na região, foram até a residência e efetuaram a prisão.

Leia Também:

Mototaxista reage a assalto e é morto a facadas no São Jorge

Veja Mais

1 comentário

  • graça says:

    Tem que mofar na cadeia. Não pensa nem nos pais que tem imagina na vida do outro. cara novo pensamento ruim. mente desocupada. O que mais doi é que depois de fazer um maldade dessa ainda consegue dormir. Isso e um monstro.Por mim ele se acabava na cadeia. Porque não foi procurar emprego pra adquirir uma moto. Pra mim não se justifica .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações