Blogs


Procuradoria quer saber por onde chegaram milhões de reais que abasteceram a campanha de Renan Filho ao governo do Estado

Esta postagem é de total responsabilidade do blogueiro.

O pedido da procuradoria-geral da República para investigar o governador Renan Filho, é para saber de que forma chegaram os milhões de reais que abasteceram sua campanha nas eleições em 2014. Se foi legal ou tiveram origens ilícitas.

Envolvido na Operação Lava-Jato, como já era esperado, o governador Renan Filho tem dito e repetido de que todas as doações foram feitas rigorosamente dentro da lei. Mas, pelo andar da carruagem, o Ministério Público não pensa assim. Quer saber se os recursos foram de caixa 1, caixa 2 ou de propinas provenientes da Petrobras através de empreiteiras indiciadas na maior roubalheira de todos os tempos.

Pelo que consta nas declarações à Justiça Eleitoral, o PMDB recebeu recursos de pelo menos 10 milhões de reais de doações de várias empreiteiras, a exemplo da Odebrecht, cujo ex-presidente se encontra preso em Curitiba. OAS, Mendes Júnior, Serveng e outras já fizeram delações premiadas através dos seus dirigentes. O próximo passo é saber se o ministro Edson Fachin irá atender os pedidos da procuradoria-geral para autorizar a investigação de cinco governadores citados e de centenas de políticos.


Veja mais


Advogado defende que venda da Mapel dê prioridade de pagamento aos trabalhadores

O advogado Bruno Gerbase, um dos funcionários do Grupo João Lyra que entraram com ação na Justiça e ainda aguarda para receber sua indenização, informou ao blog que até con...

Venda da Mapel prejudica ex-funcionários e credores da massa falida

Diante da decisão do juízo da comarca de Coruripe, que autorizou a venda da concessionária Mapel dentro do processo de falência da Laginha Agroindustrial, centenas de trabalhad...

Renan critica Ministério Público e diz que acusações são levianas e improcedentes

Pela primeira vez desde quando estourou a Lava-Jato, o senador Renan Calheiros usou a tribuna do Senado Federal para fazer críticas veladas ao Ministério Público e insistir, mai...

Blog do Mousinho

Outros posts de Blog do Mousinho

2Comentários

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>