Cadela é espancada e queimada com soda cáustica

Médica veterinária que cuida voluntariamente do animal iniciou campanha na internet com objetivo de arrecadar doações para manter tratamento

Correio NotíciaCadela

Desde a semana passada, moradores da cidade de Delmiro Gouveia se mobilizam nas redes sociais com o objetivo de conseguir ajuda para o tratamento de uma cadela de rua que foi espancada e teve grande parte do corpo queimada por uma substância conhecida como soda cáustica.

O apelo foi feito pela médica veterinária Jaquel Moraes, que atende voluntariamente ao animal, desde o ocorrido. “Precisamos de ataduras, esparadrapo, gazes e muitos medicamentos”, postou em seu perfil do Facebook.

Quem quiser ajudar pode realizar depósito no Banco do Brasil através da agência 1054-5 e conta corrente 227048, no nome de Lidiane Teotônio. Também é possível levar doações até a clínica onde o animal está em tratamento, que fica na Rua Presidente Getúlio Vargas, 225, no bairro Eldorado.

Sobre o estado de saúde da cadela, Jaquel adianta que é considerado estável, embora ela venha sentindo muita dor e tenha perdido a visão de um olho por conta da soda cáustica. “Estamos controlando a infecção dos ferimentos, que é uma grande preocupação nossa. Ela sente muita dor, tanto que para o tratamento estamos tendo que sedá-la”, explicou a médica veterinária.

Fonte: Correio Notícia

Veja Mais

1 comentário

  • Nia Guedes says:

    QUEM MALTRATA, FERE, MUTILA, ESTUPRA OU MATA UM ANIMAL INOCENTE MERECE A MORTE. SERES HUMANOS DE VERDADE NÃO MALTRATAM ANIMAIS, TEM COMPAIXÃO. PSICOLOGICAMENTE E CIENTIFICAMENTE É COMPROVADO QUE QUEM MALTRATA UM ANIMAL NÃO HUMANO MALTRATA TAMBÉM UM ANIMAL HUMANO INOCENTE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *