Busca pelo pescado lota mercados e aumenta risco de contaminação

Cortesia ao AL24h

Mercado da Produção, por volta das 8h desta quinta (9)

A busca pelo tradicional pescado da Semana Santa lotou os mercados públicos da capital nesta quinta (9). No Mercado da Produção, maior mercado da capital no Centro da cidade, o número de pessoas obrigou a administração do mercado a retirar os caminhões do estacionamento para criar uma ‘área de escape’ para clientes.

Segundo representantes do mercado, foi solicitada a presença da Polícia Militar e da Guarda Municipal para tentar disciplinar a entrada dos consumidores, mas até às 8h nenhuma guarnição estava no local. O mercado funciona até às 15h nesta quinta e das 5h até o meio-dia na Sexta-Feira da Paixão (10).

Em nota, a Semtabes informou no final da manhã que, “uma série ações foram adotadas nos Mercados Públicos Municipais com o objetivo de evitar a disseminação da Covid-19. Além do reforço na limpeza nos espaços de comercialização dos produtos, os permissionários recebem orientações de medidas de prevenção diariamente. No Mercado da Produção, A feira livre de pescado foi suspensa e a Semtabes conta com o apoio da Polícia Militar e da Guarda Municipal para dispersar as aglomerações no local“.

João Urtiga/Alagoas24horas

Já na parte baixa da cidade, o atendimento aos consumidores está sendo realizado de maneira mais ordenada. No Centro Pesqueiro, em Jaraguá, e na Balança da Pajuçara os clientes podem assegurar o pescado até por meio de um drive-thru improvisado. No local também há equipes de higienização.

Quanto aos preços, os comerciantes afirmam que os consumidores irão encontrar preços mais acessíveis que no ano passado.

João Urtiga/Alagoas24horas

 

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *