Ex-São Paulo, Juanfran lembra brigas com o ‘irmão’ Daniel Alves e é sincero sobre Neymar: ‘Insuportável’

Jogador do São Paulo nas últimas duas temporadas, o lateral-direito Juanfran atualmente está sem clube e, em entrevista ao programa “El Larguero”, da emissora de televisão espanhola “Cadena SER”, relembrou alguns episódios da sua vasta carreira, uma vez que está com 36 anos e ainda não pensa em se aposentar. Entre eles, disse como Neymar, hoje no Paris Saint-Germain, é “insuportável” dentro das quatro linhas e como foi difícil enfrentá-lo na época de Barcelona.

“O que me deu mais trabalho? Neymar. Fora de campo me disseram que ele é um bom garoto, mas em campo insuportável. Ele ia te provocar com ou sem bola. Mas eu também não fui um santo”, disse Juanfran sobre o brasileiro.

Em relação à sua passagem pelo Morumbi, entre 2019 e 2020, Juanfran lembrou da relação com Dani Alves. E segundo ele, apesar das brigas, no fim das contas os dois tiveram uma relação de irmãos no clube paulista.

“Brigávamos muito e depois nos amávamos como irmãos. Ele é dois anos mais velho que eu e está em um nível muito bom”, prosseguiu.

Por último, o defensor ainda falou sobre o futuro e descartou, por ora, encerrar a sua carreira, já que a sua convicção é de que ainda tem gasolina no tanque para continuar jogando.

“Ainda tenho gasolina. A questão é que estou animado para gastar essa gasolina. Os projetos estão surgindo e estou treinando para estar um dia em alguma direção esportiva”, disse, citando ainda o Atlético de Madrid, seu ex-clube.

“O Atlético me tem fácil. Quando eles precisarem de mim, estarei lá”, finalizou.

Durante as duas temporadas em que atuou no futebol brasileiro, Juanfran disputou 56 jogos, mas não balançou as redes. Além disso, deixou o país sem nenhum título conquistado.

Fonte: ESPN

Veja Mais

Deixe um comentário