Kaká é apresentado no Real Madri, com status de astro.

EFEEFE

O novo Real Madrid começará a próxima temporada com os dois últimos premiados com o título de melhor do mundo: o brasileiro Kaká e o português Cristiano Ronaldo. E ao ser apresentado no time espanhol nesta terça-feira, Kaká garantiu que não haverá ciúmes entre os dois.

"Não vai ter essa rivalidade entre eu e Cristiano. Somos jogadores compatíveis, vamos poder jogar juntos sem problema. E fora de campo não vai ter nenhum tipo de ciúme, pois são jogadores experientes, conquistadores, e esse tipo de ciúme não vai existir", assegurou.

Kaká também não optou por idolatrar Cristiano Ronaldo, destacando que o novo Real Madrid tem muitos jogadores tão bons quanto ele. "Estou chegando com o privilégio de jogar com grandes jogadores, assim como o Cristiano Ronaldo, o Raul, o Casillas, o Guti, os holandeses, todos os outros que fazem parte desse grande clube, o que traduz o privilégio de jogar no Real Madrid".

Mas apesar de colocar no mesmo patamar dos outros madrilenhos, Kaká elogiou Cristiano Ronaldo. "Não é um peso, é um privilégio [jogar ao lado de Ronaldo]. Cristiano Ronaldo tem feito, nos últimos três anos, muito bem com o Manchester United, fez uma excelente Liga dos Campeões, mas não só ele, como já citei outros, o Raul, que conquistou muitas Copas do Campeões, e outros jogadores que vão chegar no futuro, pois esse é um clube de grandes jogadores".

Kaká reconheceu que foi seduzido pelo projeto do novo presidente do Real Madrid, Florentino Perez, e que isso colaborou muito para que ele pudesse vestir a camisa do time espanhol.

"No momento em que o Florentino nos procurou, ele não citou nomes, mas citou um projeto. E quando citou esse projeto esportivo, pra mim foi algo que pesou bastante. Porque ele é um presidente vencedor".

Fonte: UOL

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *