Relógio dos 500 anos é retirado para revitalização da Pajuçara

Luis VilarPrefeitura derruba liminar e retira relógio

Prefeitura derruba liminar e retira relógio

O relógio construído em 1999, em todas as capitais, para homenagear a passagem dos 500 anos do Brasil, foi retirado na noite de ontem, depois que a prefeitura conseguiu revogar uma liminar da empresa Márcio Raposo Imóveis.

A ação foi concedida pelo juiz Antônio Dória, depois que o procurador-geral do município, Paulo Nicolas, conversou com o juiz. “Queríamos retirar o relógio há mais tempo, mas não podíamos pela liminar conseguida por Márcio Raposo, que entrou na Justiça quando a prefeitura iria retirar o relógio. Mas conversei com o juiz, que revogou a liminar e extinguiu o processo”, explicou.

De acordo com Paulo Nicolas, o relógio foi construído por uma parceria entre a Rede Globo e as prefeituras, mas todos os relógios foram retirados depois da virada dos 500 anos, “Maceió foi a única capital que continuou com o relógio e a empresa não tinha nenhum tipo de contrato com a prefeitura”, argumentou.

Além da retirada do relógio, a revitalização do bairro da Pajuçara também inclui a adequação das barracas que ficam na orla. “Estamos fazendo um Termo de Ajuste com a Secretaria de Planejamento, SMCCU, Associação dos Barraqueiros e a Procuradoria Geral”, antecipou o procurador.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações